Evite acidentes nos trabalhos em altura. Priorize a sua segurança!

As atividades realizadas em altura cobram atenção redobrada para evitar qualquer tipo de queda! Considera-se trabalho em altura toda a atividade executada acima de 2 metros do nível inferior, onde haja risco de quedas, podendo ter consequências graves ou até mesmo, fatais.

Trabalho em altura e Norma Regulamentadora 35.
Trabalho em altura com a Norma Regulamentadora 35.

Por isso, Norma Regulamentadora 35 estabelece os requisitos mínimos e as medidas de proteção para o trabalho em altura: planejamento, organização e execução, de forma a garantir a segurança e a saúde dos trabalhadores envolvidos direta ou indiretamente com as atividades em altura. Confira!

O PAPEL DO EMPREGADOR X DO FUNCIONÁRIO

Cabe ao empregador comprometer-se com a segurança de seus trabalhadores através do cumprimento das medidas de proteção estabelecidas pela Norma, mantendo os funcionários informados sobre os riscos e as medidas de controle, assegurando que os trabalhadores sejam supervisionados.

Além disso, também é de responsabilidade do empregador promover programas para capacitação e treinamento de seus funcionários e assegurar a realização da Análise de Risco – AR (avaliação dos riscos potenciais, suas causas, consequências e medidas de controle).

Trabalho em Altura - Cuidados.
Trabalho em altura.

O principal papel dos trabalhadores, é zelar por sua segurança e saúde e pelas outras pessoas que possam ser afetadas, realizar o treinamento estabelecido pela empresa, cumprir as disposições legais e regulamentares sobre o trabalho em altura, colaborar com o empregador nas implementações estabelecidas pela Norma e interromper suas atividades sempre que constatarem evidências de riscos.

SISTEMAS DE PROTEÇÃO

Para este segmento, existem 3 tipos de sistemas: o Sistema de Proteção Contra Quedas (destinado a eliminar o risco de queda ou minimizar as consequências da queda), Sistema de Restrição de Movimento (limita a movimentação de modo que o trabalhador não fique exposto a queda) e o Sistema de Retenção de Queda (não evita a queda, mas a interrompe depois de iniciada).

Trabalho em altura - Priorize a sua vida!
Trabalho em altura – Priorize a sua vida!

E, para que todos os sistemas possam ser atendidos, conheça os principais Equipamentos de Segurança Individual – EPIque foram projetados com o objetivo de cumprir todas as finalidades dos Sistemas:

CINTO PARAQUEDISTA

Cinto Paraquedista é um componente constituído por um dispositivo preso ao corpo, sendo destinado para deter as quedas. Ele pode ser constituído por fitas, fivelas e outros elementos, acomodados de forma adequada e ergonômica sobre o corpo do trabalhador para sustentá-lo em determinados posicionamentos, suspensões, restrições e etc.

Cinto Paraquedista preto e amarelo da Athenas.
Cinco Paraquedista 3 argolas da Athenas.

Ele pode ser conectado na parte dorsal e frontal para a proteção contra quedas, abdominal para o posicionamento e restrição, ventral para movimentação em descida e nos ombros para espaços confinados e de difícil acesso.

TALABARTE

Talabarte é um dispositivo que possui a função de conectar o trabalhador a uma estrutura ou servir de junção entre o cinturão paraquedista e um dispositivo de ancoragem.

Talabartes simples e duplo da Athenas na cor amarelo.
Talabartes simples e duplo da Athenas.

São divididos em modelos: os simples e os duplos. Os simples são utilizados em situações onde o trabalhador não terá de se soltar de um dispositivo para conectar-se a outro. Já o duplo, é utilizado em situações em que exista a necessidade de alternar a sua conexão.

TRAVA-QUEDAS

Trava-Quedas é utilizado junto ao cinto de segurança paraquedista e pode ser fabricado em cabo de aço ou corda. Ele é acoplado ao cinto e assim, quando o trabalhador sofrer determinado impacto, acontece o travamento automaticamente, impedindo a movimentação ou queda do trabalhador.

Trava-Quedas da Athenas na cor amarela e cinza.
Trava-Quedas da Athenas.

Priorize sua segurança! Acesse http://www.amegaloja.com.br/epis/seguranca-trabalho-altura e confira todos os EPI’s!

Deixe uma resposta