Como prevenir a presença de bactérias e doenças nas piscinas?

O contato do banhista com uma água mal tratada pode se tornar um grande pesadelo! Se a água da piscina estiver infectada, pode acarretar diversos tipos de infecções transmitidas pela presença de microrganismos devido à ausência ou insuficiência de cloro.

Infecção ao utilizar água mal tratada.
Sintoma de infecção provocada pelo uso de aguá mal tratada.

maioria das doenças contraídas em piscinas é de pouca gravidade e fácil cura, entretanto, é importante se precaver. As doenças mais comuns que podem ser contraídas em uma piscina, são: micose ou furúnculos, conjuntivite, otites, além de infecções intestinais.

COMO SOLUCIONAR ESSE TIPO DE PROBLEMA?

Para evitar com que as bactérias estejam presentes em sua piscina, é preciso realizar: a oxidação de choque adicionando 30 g/m³ de GENCLOR® Cloro Granulado Estabilizado ou POOL-TRAT® Cloro Granulado ou L.E. Cloro Granulado Múltipla Ação “3 em 1” (somente para piscinas residenciais), em seguida adicionar o dobro da dosagem de SUPER TRATAMENTO SEMANAL OXIGENCO® (400 g/40 m³).

Linha de Cloro L.E da GENCO.
Linha de Cloro Granulado Múltipla Ação “3 em 1” L.E. da GENCO.

Além disso, outra solução é filtrar a água pelo tempo necessário para que todo o volume passe pelo filtro.

COMO FAÇO PARA EVITAR QUE ISSO ACONTEÇA?

Para que a água da sua piscina esteja sempre saudável, é preciso:

1 – Manter sempre o pH entre 7,4 e 7,6, alcalinidade total entre 80 e 120 ppm e o residual de cloro livre entre 2 e 4 ppm.
2 – Semanalmente, realizar oxidação de choque.

COMO IDENTIFICAR SE A MINHA PISCINA ESTÁ SAUDÁVEL?

A água deve estar cristalina e não turva, podendo observar o fundo da piscina, as bordas e azulejos não podem estar pegajosos ou escorregadios e o motor de filtragem deve estar funcionando para eliminar qualquer tipo de sujeira.

Acesse http://www.amegaloja.com.br/marcas/genco e confira todos os produtos da linha GENCO para tratamento de piscinas!

Deixe uma resposta