5 ferramentas indispensáveis para trabalhar na marcenaria!

Se você chegou até aqui, significa que você é ou deseja tornar-se um profissional excelente para atuar no segmento de marcenaria, utilizando as ferramentas corretas, acertei? Pois bem…

Sabemos que trabalhar com madeira, muitas vezes, torna-se um verdadeiro desafio, principalmente porque requer que o profissional ofereça precisão e agilidade para a realização dos cortes, lixamentos ou reparações.

Homem trabalha com madeira na marcenaria.
Atividades na marcenaria.

Além dos instrumentos específicos, um marceneiro também precisa ter em mente qual será o tipo de madeira utilizada para a atividade, madeira maciça, MDF, compensada, etc.

O marceneiro é o responsável por desenvolver ou reformar portas de correr, projetos de arquitetura, objetos de decoração, móveis sob medida e muito mais.

Mas por qual motivo um marceneiro deve investir nessas ferramentas?

Simples! A qualidade das ferramentas reflete diretamente na qualidade que aplicamos em nossas produções. Logo, se você trabalhar com as ferramentas certas, o sucesso será garantido.

A lista de ferramentas disponíveis para atuar neste ramo é longa, entretanto é preciso escolhê-las com cautela para desempenhar as atividades com sucesso.

Neste texto vamos abordar as ferramentas elétricas, se o seu objetivo é encontrar as ferramentas mais utilizadas para trabalhar com hobby, é só clicar aqui.

Abaixo separamos 5 ferramentas que são indispensáveis na marcenaria e que fazem a diferença no trabalho de qualquer profissional:

Dica 1: Serra Circular

As serras foram desenvolvidas, especialmente, para a realização de cortes em materiais diversificados, em particular na madeira.  

É extensa a lista de modelos de serras disponíveis no mercado: mármores, tico-tico, sabres, circulares, de bancada, de mesa, entre outras. 

Cada um dos modelos carregam os seus diferenciais que impactam diretamente durante a execução das atividades. É preciso identificar todos os fatores que podem influenciar o corte.

A serra circular, por exemplo, é a solução perfeita para os profissionais que desejam realizar cortes retos em madeira. As máquinas costumam oferecer baixa rotação e alta capacidade de corte. Ela está disponível em dois modelos: manual e de bancada. 

As serras circulares manuais são relativamente leves, compactas e ergonômicas para oferecer maior comodidade e segurança aos usuários. Elas também costumam garantir ajuste rápido de profundidade e ângulo de corte.

Diferentemente da manual, a de bancada ou de mesa, é um modelo próprio para ficar instalado em um único lugar. São pesadas e geralmente são integradas com compartimentos para armazenar condutores, réguas de corte, chaves, entre outros.

Dica 2: Lixadeira Orbital

As lixadeiras não podem faltar na marcenaria! São elas as grandes responsáveis por deixar a superfície da madeira lisa e com acabamentos mais bonitos.

Para realizar acabamentos mais leves e suaves na madeira, a lixadeira orbital é a opção certa, principalmente para trabalhos em madeira MDF e compensada. 

Dica 3: Lixadeira Roto-Orbital

Outra lixadeira que faz toda a diferença é a roto-orbital. Ela, diferentemente da orbital, é mais agressiva, oferecendo alta capacidade de aplicação.

O modelo proporciona acabamentos mais elaborados, removendo marcas, desníveis e imperfeições com mais agilidade e eficiência.

Em geral, as lixadeiras roto-orbitais acompanham compartimento de pó para evitar o acúmulo de poeira durante as atividades. 

Quer ler mais sobre a lixadeira orbital e a roto-orbital? Clique aqui.

Dica 4: Tupia

Para personalização dos móveis, a tupia é a solução perfeita. Ela é utilizada para fornecer ranhuras, produzir enfeites, letras, entalhes e outras atividades. 

Com a tupia o profissional pode realizar acabamentos específicos, como nas laterais, por exemplo. Além disso também produz cortes redondos, retos, desenhos e muito mais. 

A ferramenta está disponível em três modelos: a tupia de coluna, a laminadora (sendo essa manual e compacta) e a de mesa. 

Dica 5: Plaina

Por fim, mas não menos importante, a plaina é um instrumento utilizado para desbastar, aplainar e remover irregularidades, ondulações e calombos das superfícies da madeira.

Os modelos manuais cobram maior esforço físico, sendo recomendados especialmente para os acabamentos finais da peça.

Já as plainas elétricas nivelam as superfícies com maior facilidade, precisão e agilidade, cobrindo uma área maior e sem precisar depositar muito esforço.

Conclusão:

Agora que você já sabe quais ferramentas escolher para abrir, aperfeiçoar ou modernizar a sua marcenaria, ficou tudo mais fácil, né?

São ferramentas de alta qualidade que visam agilizar as atividades com madeira, oferecendo toda a segurança necessária para que os profissionais desempenhem seu trabalho com tranquilidade. 

Depois de ter lido as dicas, agora a sua missão é outra: selecionar as máquinas que melhor atendam às suas necessidades. São infinitas opções, diferentes marcas, características e valores.

Mas não se preocupe! Essa etapa também não precisa transformar-se em outro desafio. Basta acessar o nosso site http://bit.ly/2AY2GqU e conferir todas as opções disponíveis lá, para encontrar as melhores ferramentas.

Você acha que outras ferramentas deveriam estar aqui nessa publicação? Deixe o seu comentário abaixo!

Beatriz Approbato

Oi! Meu nome é Beatriz Approbato, sou jornalista e redatora, apaixonada por comunicação, por marketing e por fotografia. Adoro escrever sobre ferramentas e me sinto cada vez mais empoderada ao utilizá-las no dia a dia. Também comando as Redes Sociais da A Mega Loja! :)

Este post tem 2 comentários

  1. Marcia Teodoro

    bom dia, quais os melhores equipamentos para montar uma marcenaria industrial para móveis planejados e de escritório? modelo de esquadrejadeira, orladora e coletor de pó.

    1. Beatriz Approbato

      Oi Marcia, tudo joia?
      Atualizei o conteúdo, caso queira dar uma olhadinha novamente.
      Acredito que para marcenaria industrial, as melhores opções, além dessas que citei no texto, são: tupia de mesa, furadeira de bancada, a serra esquadrejadeira, etc.
      Caso precise de mais dicas, me envie o seu whatsapp para batermos um papo, tá?
      Até mais!

Deixe uma resposta